CHICUNGUNHA

Paraguai alerta para aumento de chicungunha em fronteira com Brasil

Desde janeiro, e em nível nacional, o Ministério paraguaio registrou um total de 45 casos confirmados de chicungunha e 224 casos prováveis

  • EFE/Thais LlorcaEFE/Thais Llorca
EFE/Thais Llorca

O Ministério da Saúde Pública do Paraguai declarou nesta sexta-feira o alerta preventivo no departamento de Amambaí, na fronteira com o Brasil, após serem confirmados 43 casos de chicungunha, do total de 45 registrados em todo o país.

A pasta de saúde afirmou que a medida envolve uma intensificação do controle vetorial para o elevado índice de infestação de larvas na área da cidade de Pedro Juan Caballero, capital do departamento, que propicia a dispersão do Aedes aegypti, o mosquito vetor.

Desde janeiro, e em nível nacional, o Ministério registrou um total de 45 casos confirmados de chicungunha e 224 casos prováveis.

Deles, 43 procedem de 12 bairros de Pedro Juan Caballero, onde foram detectadas condições favoráveis ao mosquito transmissor como uma ineficiente coleta de lixo, um planejamento desordenado e uma instabilidade climática que dificulta o controle químico do Aedes.

Além disso, a pasta informou que o número de casos de dengue confirmado neste ano chega a 2.920, enquanto os prováveis são 21.768, com 13 mortos.

Marcados com: , ,
Publicado em Doenças e Tratamentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Login

Registrar | Perdeu sua senha?