MACONHA

Empresa de venda de maconha arrecada US$ 10 milhões no Vale do Silício

A empresa Eaze Solutions, que desenvolveu um aplicativo para a venda de maconha medicinal, anunciou nesta terça-feira que arrecadou US$ 10 milhões no Vale do Silício para ampliar suas operações.

  • mas infoMON08. MONTEVIDEO (URUGUAY), 11/12/2014.- Un hombre arma un cigarro de marihuana durante la movilización "Uruguay regula 2013" hoy, jueves 11 de diciembre de 2014, en Montevideo (Uruguay). A un año de la aprobación de la Ley de Regulación del Cannabis en Uruguay, varias organizaciones sociales y políticas que impulsaron el proceso desde el principio, convocaron hoy una marcha popular para celebrar los derechos conquistados por cultivadores y consumidores de marihuana. EFE/Iván FrancoFoto: EFE/Iván FrancoFoto: EFE/Iván Franco
Foto: EFE/Iván Franco

A empresa Eaze Solutions, que desenvolveu um aplicativo para a venda de maconha medicinal, anunciou nesta terça-feira que arrecadou US$ 10 milhões no Vale do Silício para ampliar suas operações.

“O novo financiamento nos permite expandir rapidamente, com o desenvolvimento adicional de nossa tecnologia, novas alianças com lojas especializadas (em maconha) e a ampliação de nossa equipe”, afirmou a empresa em comunicado.

A Eaze Solutions indicou que planeja realizar 50 novas contratações com essa injeção de fundos.

A empresa com sede em San Francisco, e que é conhecida informalmente como o “Uber da maconha”, desenvolveu um aplicativo que as lojas especializadas utilizam para receber pedidos e organizar entregas.

A nova injeção de fundos se soma ao US$ 1,5 milhão que recebeu no ano passado de 40 investidores do Vale do Silício.

A Eaze assegura que desde seu lançamento no ano passado facilitou cerca de 30.000 entregas de maconha medicinal.

A companhia realizou inicialmente alianças com lojas especializadas em maconha em San Francisco e assegura já ter presença em 35 cidades.

“A tecnologia da Eaze permite a verificação dos pacientes em questão de segundos e realizar entregas em 15 minutos”, garantiu a empresa em seu comunicado.

Segundo as estimativas da indústria, o mercado de venda legal de maconha alcançou US$ 2,7 bilhões nos EUA no ano passado graças à legalização do consumo de cannabis com fins recreativos nos estados do Colorado e Washington.

Marcados com:
Publicado em Dicas e curiosidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Login

Registrar | Perdeu sua senha?