TROMBOSE

Dia de combate e prevenção à Trombose, saiba mais sobre a doença

A Trombose Venosa Profunda é a doença causada pela coagulação do sangue no interior das veias – vasos sanguíneos que levam o sangue de volta ao coração.

  • Foto: Pixabay / Ron Porter (CC0 Public Domain)Foto: Pixabay / Ron Porter (CC0 Public Domain)
Foto: Pixabay / Ron Porter (CC0 Public Domain)

A Trombose Venosa Profunda é a doença causada pela coagulação do sangue no interior das veias – vasos sanguíneos que levam o sangue de volta ao coração. Esse trombo pode percorrer a corrente sanguínea instalando-se nos pulmões, o que causa a embolia pulmonar, que pode ser fatal, e hoje, 16 de setembro é oficializado o dia de combate e prevenção a esta doença.

A enfermidade pode ser prevenida, de acordo com porta-vozes da Sociedade Brasileira de Angiologia e de Cirurgia Vascular (SBACV). Segundo eles, a embolia pulmonar acontece mais frequentemente antes de aparecerem os sintomas da trombose, o que aumenta os riscos de morte precoce.

O principal sintoma da trombose é inchaço unilateral de membro inferior na grande maioria das vezes, podendo eventualmente ocorrer em membro superior. Já os sintomas da embolia pulmonar são mais nítidos e o atendimento deve ser feito imediatamente: dor no peito, falta de ar, tosse repentina (com possibilidade de expectorar sangue), sudorese e tontura, entre outros.

“Nem sempre a Trombose Venosa Profunda apresenta sintomas e, ao não dar este alerta, a pessoa pode ser surpreendida por uma embolia pulmonar, que necessita de um atendimento de emergência”, afirmou o presidente da SBACV, Pedro Pablo Komlós, quem alertou que para se evitar a embolia, é preciso prevenir a trombose.

Para a prevenção à trombose, identificar se você está no grupo de risco é o primeiro passo. Os fatores de risco são: casos de trombose na família, obesidade, sedentarismo, tabagismo, varizes não tratadas e cirurgias de grande porte (como cirurgias ortopédicas e ginecológicas). Quem tem casos na família da doença deve fazer um perfil hematológico, exame para verificar a possibilidade de a pessoa ter trombofilias (enfermidade que causa a coagulação no vaso por herança genética).

A recomendação para imobilizações prolongadas é movimentar a panturrilha para cima e para baixo para estimular o retorno venoso. “Quem faz parte desse grupo de risco deve tomar cuidado ao ficar muito tempo imobilizado em voos longos ou em viagens de carro ou ônibus também longas. Ficar parado propicia o desenvolvimento de coágulos intravenosos”, alerta Komlós. Ao consultar um angiologista ou cirurgião vascular, ele poderá prescrever o uso de anticoagulantes e meias elásticas para prevenir casos de trombose.

Risco para desenvolver Trombose Venosa Profunda:

– Obesidade
– Presença de varizes nas pernas
– Gravidez
– Pós-parto
– Câncer
– AVC (Acidente Vascular Cerebral)
– Traumatismos, principalmente nas extremidades inferiores (risco de TVP por volta de 70% )
– Doenças crônicas, como insuficiência cardíaca e doenças pulmonares crônicas
– Doenças agudas, como infarto do miocárdio, e infecções, como pneumonia
– Uso de medicações, como contraceptivos orais, quimioterápicos e tratamentos hormonais
– Fraturas ósseas

Atitudes para prevenir a Trombose Venosa Profunda:

– Manter-se no peso
– Não fumar
– Ter uma alimentação balanceada
– Não ficar muito tempo imobilizado
– Praticar atividades físicas
– Após uma cirurgia, voltar rapidamente a se movimentar

Trombose Venosa Profunda vs. Embolia Pulmonar

A Trombose Venosa Profunda é um coágulo de sangue que se desenvolve em uma veia profunda no corpo. Essa ação não oferece risco de morte. Entretanto, o coágulo pode se libertar e viajar na corrente sanguínea, podendo se alojar nos vasos sanguíneos do pulmão – conhecido como embolia pulmonar, que apresenta risco de morte. A prevenção é fundamental.

Já a embolia pulmonar ocorre quando o coágulo (ou trombo) se desprende e percorre a corrente sanguínea, indo se alojar nos pulmões, o que bloqueia a artéria pulmonar, restringindo o fluxo de sangue nos pulmões. Esse bloqueio pode levar à morte.

Marcados com: , ,
Publicado em Dicas e curiosidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Login

Registrar | Perdeu sua senha?