ALIMENTAÇÃO E EMOÇÃO

Comer bem: Alimentação saudável pode influir no crescimento pessoal

O coaching João Paulo de Barros Monteiro indica que comer bem também faz bem para a ascensão pessoal e profissional e que os alimentos têm saúde.

  • Comer bem: Alimentação saudável pode influir no crescimento pessoal
Comer bem: Alimentação saudável pode influir no crescimento pessoal

O coaching João Paulo de Barros Monteiro indica que comer bem também faz bem para a ascensão pessoal e profissional e que os alimentos têm emoção e saúde. Com essa premissa, ele trabalhou na Fundação Leo Messi, em Barcelona, e ainda desenvolveu um método de aplicação na vida de pessoas que querem ter sucesso: a mente de campeão.

O método inclui a alimentação como um dos pilares principais para alcançar objetivos pessoais e profissionais. O Efesaúde, então, não podia deixar de conversar com Monteiro e preparar conteúdos especiais que serão publicados ao longo do mês de julho, época de férias e de pensar em qualidade de mente e corpo.

Para Monteiro, alguns alimentos podem gradativamente sair do cardápio das pessoas justamente porque fazem mal ao organismo delas. Para descobrir junto com o paciente do coaching quais são esses alimentos, antes é preciso identificar  o que ele chama de “modelo mental” ou “verdades absolutas” de cada indivíduo.

jp 2

“Conversando com você 20 minutos, eu identificaria seu mindset e com atleta e esportista a mesma coisa.  Eu consigo identificar qual o modelo mental dele e isso seria fundamental para seguir com qualquer trabalho”, explicou Monteiro.

Antes de tudo, entenda o coaching

De acordo com o profissional, é uma forma de utilizar métodos que ajudem pessoas no processo de melhora pessoal e profissional através do autoconhecimento. Para tanto, muitos estudos e teoria do conhecimento são envolvidos para que cada “tutor” descubra a melhor forma de atingir os seres na troca de experiência.

“O método é socrático, não te influencio de maneira nenhuma, te ajudo a achar as próprias respostas. Às vezes verdades adquiridas com o passado acabam travando as pessoas e isso pode atrapalhar pela criação de bloqueios, baixa produtividade, acomodação”, afirma o profissional.

O que é um modelo mental?

“É como você dirige sua vida mentalmente. Esse modelo é fortalecedor, estimulante, alegre e satisfeito ou ele é um modelo de vítima, negativo, derrotista? Essa diferença é possível observar bem claramente”, explica Monteiro.

Como esses modelos mentais são criados?

“A partir dos 3 a 4 anos começamos guardar informações. Estamos influenciados pela sociedade e tem um mestre que diz que todos nós somos budas até os quatro anos, depois cada um segue seu caminho, não somos influenciados. Então, quais são suas verdades absolutas? No que você acredita? E onde essas verdades estão de levando?”

 

Então, o primeiro passo é desconstruir. Depois trabalhar a nutrição, atividade física, repouso e alimentação – como é difícil falar isso para as pessoas sem influenciá-las. E como fazer isso dentro do método? Seleção de informações de qualidade para leitura, depois mostrar a relação de alguns alimentos com a baixa produtividade, baixa intelectualidade. É o poder emocional dos alimentos

Para ele, alimentos despertam não apenas sabores e aromas, mas emoção e emoção é saúde.

Na próxima matéria com João Paulo Monteiro, vamos falar de alguns desses alimentos que geram tanta polêmica para os menus diários: Trigo e Açúcar Branco.

 

Marcados com:
Publicado em Nutrição

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Login

Registrar | Perdeu sua senha?